sábado, maio 29, 2004

tombado!

Ouvi na Rádio Eldorado hoje que bairros como o Sumaré, Vila Mariana e Jaguaré foram tombados.

Saiu no jornalzinho do bairro, também. O que significa que onde eu moro é considerado pela prefeitura Jaguaré. Mas reitero que o Jaguaré termina a pelo menos 500 metros da minha casa. Tem inclusive uma placa lá falando onde começa o Jaguaré. Bom, eles, que são brancos, que se entendam, não é, Zeca Pagodinho?

É bom, já estava ficando demais a quantidade de empreendimentos imobiliários por aqui. O trânsito de manhã já piorou demais nos últimos 5 anos. Ano passado, mesmo, eu saía de casa às 7:20 e chegava na faculdade às 7:40. Hoje, se eu saio no mesmo horário, não chego antes das 8:30. Parte da responsabilidade desse trânsito é devida às obras, mas antes mesmo de bloquearem parte da Rebouças já era bem ruim. Espero que, quando terminadas, essas obras tenham um belo reflexo aqui na região oeste. O metrô já começou a ser construído e tem previsão pra 2006. Vamos ver se vão cumprir o prazo...

sexta-feira, maio 28, 2004

fim de semana, finalmente!

Amanhã tem show da minha banda no Tribehouse, à partir das 15:00, R$ 6,00.

É um festival, vale prêmio e coisa e tal. Quem puder, vá.

segunda-feira, maio 24, 2004

agonia...

de repente, não mais que de repente.

não está ao meu alcance.

sábado, maio 22, 2004

baladinha de sábado à tarde...

O PRIMT tá tomando forma e parece que vai dar pra entregar a tempo...

mas é foda ficar três dias seguidos aqui escrevendo, reescrevendo e montando o quebra-cabeça de acordo com o roteiro.

Ainda estou na faculdade.

Quem rir apanha.

a saga continua...

Sábado de manhã na faculdade, de novo.

Tá andando, falta muita coisa ainda, mas até segunda a gente termina.

Pelo menos já conseguimos fazer o professor aceitar o trabalho à noite.

sexta-feira, maio 21, 2004

PRIMT

É, galera, plena sexta feira, 22:15, e estamos eu, a Rita, o Alejandro e o Leonardo na sala de estudos da faculdade fazendo o mardito e tão conhecido por todos PRIMT.

Eventualmente, subimos até o andar da empresa (já fechada e deserta) pra pegar uns chocolates quentes ou uns capuccinos.

Falta muito pra terminar, mas devagar se vai ao longe.

O problema é que tem que entregar na segunda feira. Merda.

deixando de ser mr.magoo

Pois é, pessoal, agora eu vou finalmente ter de volta um par de óculos que sejam do meu grau certo!

Perdi meus óculos há cerca de duas semanas e só consegui marcar oftalmologista pelo convênio pra hoje às 14:30.

Ótimo, não aguento mais andar com os óculos do meu pai. São muito fracos.

Agora, preciso escolher uma armação legal. Penso em uma estilo ray-ban, bem anos 70. Que acham?

terça-feira, maio 18, 2004

elefantes em casa

Hoje, no espanhol, a gente teve que descrever a casa dos nossos sonhos. Falar quantos quartos deve ter, quantos andares, banheiros, piscina, lareira, essas coisas. Lembrei na hora da casa dos sonhos de Bobby Generic.

Lembram-se? Era grande, tinha muitos quartos, etc... mas a peculiaridade da casa é que tinha um quarto com um elefante. Isso eu nunca esqueci, foi uma idéia muito boa. E eu falei lá no espanhol que eu queria um quarto com um elefante. Fui incompreendido, claro, todos acharam que era piada. Mas não, é sério. Ter um elefante é um sonho infantil muito legal.

Já pensou? Entrar em um quarto e ver aquele gigante inofensivo, comendo seus amendoins com casca e fazendo palhaçadas num banquinho igual ao de um circo? Puxa, é o sonho circense tornado realidade!

É claro, tem os incovenientes. Como já disse o grande poeta Dinho, "Imagine o tamanho que é o pinto de um elefante". E imagine a quantidade de urina que sai. Fora isso, imagine também o tamanho da bosta do elefante. Se cai na cabeça de um, mata. Nossa, ia ter que colocar uma tropa lá pra cuidar do elefante.

E a alimentação? Toneladas de amendoim, água, e sei lá o que diabo mais um elefante come. E a dedetização permanente... (ninguém iria querer que um rato fizesse o elefante sair em disparada derrubando paredes como no filme Jumanji, né?).

Fora os problemas com o IBAMA. Aquele bicho preso num quarto, sem poder sair e passear, essas coisas... Imagino quando ele chegasse perto da morte e começasse a querer migrar pro famoso cemitério de elefantes... é, daria problema tanto pro elefante quanto pra gente.

Acho que foi num filme que eu vi... o cara tinha um vizinho que criava dois elefantes. Mas não lembro o que acontece, parece que a casa cai e os elefantes fogem, sei lá... ou o cara vai preso. Enfim, algo assim.

Mas tem a parte boa, também. Elefantes são grandes, robustos, bonitos. Devem ser dóceis (nunca cheguei perto de um, mas pela amostragem que eu tenho em circos...) e fáceis de se treinar. São um ótimo investimento, tanto para procriar quanto para usar como meio de transporte. São um amuleto vivo. Elefantes são sagrados para os hindus, né? Então.

Mas mesmo assim os custos de se ter um elefante só pra ficar num quarto são maiores do que os benefícios, né?

É, Bobby Generic, seu sonho de ter um elefante em casa é tentador, mas, se analisado a fundo, não passa de um sonho, mesmo. Elefantes dão trabalho. Ainda mais num quarto.

Acho que é melhor ter hamsters.

E eu já não lhes contei a história dos meus hamsters? Acho que não, né... bem, um outro dia eu conto.

E falando em Los Hermanos...

A banda será a única brasileira a tocar em Lisboa no Festival Super Bock Super Rock.

Nunca tinha ouvido falar desse festival, mas a notícia diz que é fodão.

Hooray!

Finalmente essa banda tem o que merece!

los hermanos no credicard hall

Fui lá comprar meu ingresso hoje.

Puta frio, mas fui lá. Aproveitei e paguei o estacionamento pra poder usar no dia do show. Lá é fogo de estacionar.

Enfim, amanhã tem jogaço da Libertadores lá no Morumbi. Não fui no aikido ontem nem vou amanhã, então vou hoje. Agora, aliás.

Té mais.

segunda-feira, maio 17, 2004

comentários restritos

E não é que esses comentários do Blogger só são disponibilizados pra quem tem conta no próprio?

É uma bela estratégia.

E é bom pra diminuir o número de bligs e globlogs por aí. O Blogger tem um serviço muito melhor.

Graças, mais uma vez, a São Google.

começando a dar resultado

Hoje é o primeiro dia que eu me sinto parte da Júnior Trevisan Consultores.

Haverá um curso de mercado de capitais só para membros e eu vou participar. Logo mais, às 16h.

Ouvi por aí que em breve vão fechar mais projetos. Aí eu vou começar a trabalhar lá mesmo. Por enquanto, só as usuais aulinhas de Excel para alunos de algumas ONGs.

domingo, maio 16, 2004

"OLE"

O jogo foi sofrido e o time se mostrou sem objetividade. O Cuca tava furioso depois do jogo, deu até medo.

Mas quem se importa com Brasileiro? O negócio é a Libertadores, mesmo.

Vencendo a Libertadores, o que vier é lucro.

---

Mas presumo que ninguém veio aqui atrás de futebol, né? Aliás, ninguém veio aqui atrás de alguma coisa. Ou veio?

Queria saber porque diabos alguém tem motivo pra escrever um blog. E porque diabos alguém tem motivo pra ler um blog. Mas isso é assunto pra um outro post em um outro dia.

testando...

Dizem que dá pra postar por e-mail. Vamos ver se funciona mesmo.

Se vocês estão lendo esse post, é porque dá mesmo.

Será que finalmente vou poder postar da faculdade quando a internet
estiver fechada??

I power blogger

Estudando administração, pequenas coisas como a mudança no texto do ícone do Blogger já diz muita coisa. Antigamente, o que estava escrito era "Powered by Blogger", ou seja, esse blog depende do Blogger e quem dá poder a ele é o todo-poderoso Blogger.com.

Na última reformulação, o texto passou a ser "I power Blogger", algo como "Blogger powered by me". Eles mudaram a posição "Bloggercentrista". A nova visão é que o Blogger.com só existe por causa deste blog e de tantos outros. É, de fato, uma correta percepção da realidade. Ao perceber novas ferramentas pra fazer blogs por aí, o Blogger (leia-se "Google") não quis perder sua "clientela" para a concorrência. Aliás, essa é uma característica visível em todas as marcas do Google. O Orkut, por exemplo, faz seus membros se sentirem especiais, pois só entram se forem indicados por antigos membros. O Gmail, e-mail ilimitado do Google, é outro exemplo.

Muita gente teve medo da notícia da compra do Blogger pelo Google Inc. Que bom que esses pessimistas estavam errados. O serviço melhorou mais de 100% desde a transação. Agora até comentários o Blogger provê! Que maravilha!

nostalgia:

é isso que define a mudança.

A gota d'água foi ter encontrado o professor Ricardo na padaria perto da faculdade na quinta feira.

Me arrependo de não ter entrado na PUC em biologia, mas não me arrependo de ter entrado na Trevisan em Administração. É uma situação complicada. A dúvida do "e se eu tivesse feito biologia?" não sai da cabeça.

Mas não se preocupe, professor. Eu sou um futuro biólogo. Mesmo que eu faça depois de velho, farei. Nem que seja em uma faculdadezinha bunda por aí. O importante é o interesse e a motivação. E isso eu sempre vou ter de sobra.

Por enquanto, o mais certo é seguir no rumo em que estou: Administração de Empresas. É uma faculdade completa, que me abre um leque imenso de possibilidades de atuação. Com certeza acabarei na área de biológicas. Inconscientemente, meu caminho segue a biologia.

---

humm.. relendo, até eu fiquei confuso. Enfim, é isso.

sábado, maio 15, 2004

Novo visual.

Mudar, às vezes, é bom. Mesmo que para templates prontos do blogger.
hoje: pescaria em alto mar.

não sei porque tenho a impressão de que meu quarto tá balançando igual ao barquinho.

Aliás, que barquinho. Mais parecia um barquinho de papel numa tempestade. Como mexia aquela coisa! Meu pai começou a vomitar quando saímos do canal, às 9 da manhã, e só parou agora há pouco. Puta que pariu, que programa de índio.

Mas valeu a intenção. Trouxemos uns 15 peixinhos pra casa.

Deixa eu ir dormir antes que eu caia nesse suingue que meu quarto resolveu adotar.

quarta-feira, maio 12, 2004

Hi hi hi little droogies.

Entrei pra júnior, finalmente. É uma pena que ainda não tenho o que fazer lá, mas em breve terei.

Isso explica meu sumiço?

E alguém por favor explique minha fascinação repentina e reincidente por Laranja Mecânica! Cara, que FODA!

segunda-feira, maio 03, 2004

pss...

- quem coxixa, o rabo espicha
- quem reclama, o rabo inflama
- quem retruca, o rabo encurta

e você? como continuaria a série?